domingo, 19 de março de 2017

Dinâmica Quaresmal - Das cinzas a Pentecostes - Adoração



Prepare uma talha (pote) em frente ao altar onde os catequistas fazem a oração comunitária. No Altar deve ser entronizado a Palavra de Deus ao lado da imagem de Nossa Senhora Aparecida. Prepare também 6 envelopes com as palavras da fonte da Alegria para ser colocado, um a um conforme as semanas (como iniciamos uma semana depois da quaresma faremos a colocação de 2 envelopes na 1ª semana). Na boca da Talha você coloca o terço. Não coloque muitas flores pois estamos na quaresma.


SEMANAS
FONTES DA ALEGRIA
4.ª Semana
5.ª Semana
ORAÇÃO (AMIZADE COM CRISTO)
Semana Santa
SACRIFÍCIO (DOM DE SI MESMO)

Oração para todos os dias – Sinal da Cruz (Ajudar as crianças a persignar-se) - Oração ao Espírito Santo

Catequista: Senhor DEUS, nosso Pai e nosso Criador, renova a cada um de nós neste momento: Dá-nos uma nova vida em Ti. Toca no coração de cada um aqui presente e faz-nos sentir o TEU AMOR em nós através da Paixão, morte e Ressurreição do Vosso Filho Jesus Cristo.

Crianças: Papai do Céu, Ajuda-me a entender e viver a Quaresma de uma forma que me permita celebrar esse mesmo Amor. Ajuda-me a preparar o meu coração para que eu possa viver estas semanas da Quaresma, junto com minha família, de uma maneira que eu sinta uma profunda tristeza pelos meus pecados, mas também, o Teu Imenso Amor Eterno por mim.


Todos: Pai Santo, que TEU querido Filho Jesus mande sobre nós VOSSO Santo Espírito, afim de que possa conduzir-nos neste tempo favorável a uma sincera conversão. Precisamos, Senhor, viver a Graça do nosso Batismo, morrendo para o que não é Teu e ressuscitando conforme à Tua Vontade. Que a Tua Palavra nos conduza durante todos os dias deste Retiro Quaresmal, Com o Jejum, a Oração e a Caridade operosa, unida à penitência, esperando a Vida Nova na Páscoa! Amém!

Cantar um cântico de aclamação: Muito silêncio... Usar o cântico completo – Antes e depois da Proclamação do Evangelho. O Evangelho também pode ser encenado.


         Dia 11 de março - Evangelho: Jo 2,1-7. (Só hoje o Evangelho será encenado. Nas demais semanas, durante a quaresma devemos apenas contar a história de maneira rápida para o entendimento das crianças. Quando chegar na parte de encher as talhas de água, pronuncia-se as Palavras de Jesus referente a nossa reflexão e a fonte da Alegria. Proclamado ou encenado, o Evangelho deve parar no versículo 7.)  


Palavras de Maria: “Fazei tudo quanto ele vos disser”. João 2:5


Aqui Nossa Senhora nos ensina o caminho do amor e da obediência à Palavra de Deus. Aquele que obedece a Palavra de Deus tem a salvação por certeza.

Palavras de Jesus: “Enchei de água essas talhas”. João 2:7

Sabemos que Jesus irá transformar a água em vinho. Esta transformação nas bodas de Caná coloca-nos na dimensão simbólica do Batismo e da Eucaristia, nesta Quaresma, do Ano A, fortemente marcada pela dimensão batismal, que começam precisamente com o mergulho na água batismal e têm o seu coroamento à mesa da Eucaristia, com a fração do pão ázimo e a elevação da taça do vinho novo. Para quem não sabe, o Batismo dos neo-catecúmenos é feito na Vigília Pascal.

As grandes Talhas de pedra que Jesus manda encher de água para transformar em vinho (cf. Jo 2,7) são sinal da passagem da antiga para a nova aliança: no lugar da água usada para a purificação ritual, recebemos o Sangue de Jesus. Os Sacramentos, que brotam do Mistério pascal, infundem em nós a força sobrenatural e permitem saborear a misericórdia infinita de Deus” (Papa Francisco, Angelus, 17.01.2016).

A Água que iremos colocar nestas talhas irá se transformar na fonte de nossa alegria:


FONTE DA ALEGRIA - CONVERSÃO – Primeiro envelope

FONTE DA ALEGRIA – PALAVRA DE DEUS - Segundo envelope
http://catequesedaparquiadeipu.blogspot.com.br/2017/03/dinamica-quaresmal-das-cinzas_19.html

FONTE DA ALEGRIA – ADORAÇÂO- Terceiro envelope


         Dia 18 de março - Palavras de Jesus: “Mas está chegando a hora, e é agora, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e verdade. De fato, estes são os adoradores que o Pai procura. Deus é espírito e aqueles que o adoram devem adorá-lo em espírito e verdade”. João 4:23-24

Aqui precisamos ensinar as crianças dois momentos muito importantes na santa missa que não podemos, em hipótese nenhuma, desviar a nossa atenção: primeiro o momento mais solene em que todos se ajoelham diante da transformação do Pão e do vinho em Corpo e Sangue do Senhor; o segundo momento e muito parecido mais requer mais atenção. É logo após o abraço da paz. Precisamos tomar cuidado para não sairmos do lugar pois, logo em seguida adoramos ao Senhor na Elevação do Santíssimo com as Palavras: Por Cristo, com Cristo e em Cristo. Tarefas para casa: 1) Pergunte para seus pais se eles costumam participar da adoração ao Santíssimo. 2) Escreva uma carta para Jesus dizendo porque quer adorá-lO e prometa que irá sempre escutar a SUA PALAVRA.